Um dia vi uma moça implorando desesperadamente para que o rapaz não desligasse o telefone, dizendo que o amava e que ele não podia fazer aquilo, não podia largá-la depois de estarem tanto tempo juntos.

Então, fiquei pensando no sofrimento dela e por quê simplesmente não deixá-lo ir, por qual razão era melhor ficar com um  cara que não a queria do que ficar sozinha e ter a possibilidade de conhecer outra pessoa.

Não sou a favor de qualquer coisa ser um motivo para terminar um relacionamento, e nem de idas e vindas. Acredito que um relacionamento bom e bonito deve ser construído juntos e que o amadurecimento vem com as turbulências e tempestades. Porém, não sou a favor do estar junto por um motivo que não seja a parceria, a fidelidade e o compromisso com outro, nem a favor do “tanto faz”.

Sou contra quem está buscando no outro satisfação de algo que o homem não pode preencher, e que causa defraudação emocional, ou seja, quando alguém gera em outra pessoa uma expectativa sentimental que não poderá ser suprida. Sou contra as horas de espera pela resposta de uma mensagem, e pela ansiedade de saber o que o outro pensa a seu respeito, a enrolação toda só para manter o outro ali imaginando que pode ter algo com você. Sou a favor de algo tranquilo e sem máscaras, algo simples como “Vou aí te ver”, “Quero conhecer seus pais”, e te apresentar para os amigos.

Sou contra o “desapegar” e a favor da reciprocidade. Tem gente aí falando que o melhor é desapegar, isto é, não se envolver com a outra pessoa a ponto de assumir um compromisso, de não demonstrar sentimentos como fuga para evitar um possível sofrimento. Isso é papo furado de quem tem medo de se machucar outra vez.

Portanto, o melhor mesmo é estar com alguém que tenha um sentimento verdadeiro por você, alguém que te admira, e fica contigo mesmo quando você expõe suas falhas. Alguém que  responde a sua mensagem sem fazer joguinhos e que se preocupa quando algo acontece com você. Gosto da ideia de quem manda mensagem  porque está com saudade, ou que liga só pra ouvir a nossa voz. Melhor mesmo é estar com alguém que te apoia e deseja crescer ao seu lado, construir um futuro e uma família junto à ti.

Sabe de uma coisa? Você deveria querer alguém que não pensa na possibilidade de estar longe de você, que te ame e respeite, alguém que tenha orgulho de ter conquistado o seu sorriso e o seu coração e que veja graça de estar ao seu lado. Você merece alguém que tenha a mesma fé que a sua, colocando Deus no centro do relacionamento e orando por você todas as noites. Você merece nada menos e nada mais que o melhor de Deus.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Maria Clara
Fortalezense, 23 anos, estudante de engenharia. Misturo os números com as letras, talvez porque eu goste um pouco de tudo. Amo as coisas simples e os sentimentos que elas me proporcionam como estar com a família, amigos e tomar sorvete num dia quente. O que mais busco é ser semelhante a Cristo, e refletir esse amor que um dia me alcançou.

COMENTÁRIOS