“Esqueçam o que se foi; não vivam no passado. Vejam, estou fazendo uma coisa nova! Ela já está surgindo! Vocês não a reconhecem? Até no deserto vou abrir um caminho e riachos no ermo. ” (Isaías 43:18-19)

Engraçado como a dor nos aproxima de Deus. Infelizmente, mesmo sabendo que é do lado dEle que devemos ficar, muitas vezes nos esquecemos de agradecer quando todas as coisas estão bem. Mas, basta uma dificuldade que corremos de volta pra Deus. Erramos muito em tentar resolver com ações aquilo que só é resolvido com oração. Às vezes, pedimos errado a Deus, orando por nossa vontade, como se soubéssemos o que é melhor para nós mesmos.

Mas uma coisa que você precisa saber é: Deus não precisa da sua oração para agir em sua vida. Deus age e cuida de nós mesmo quando não pedimos e quando esquecemos dEle. A oração é uma forma de nos firmarmos e de estabelecer uma comunhão com Deus. Mas Ele sabe os desejos do teu coração antes mesmo de você falar ou pedir. E não é errado fazer teus pedidos a Deus da tua forma. Até mesmo Jesus pediu a vontade dEle para seu Pai quando orou “Pai, se queres, afasta de mim este cálice (…)”. Mas Jesus continuou sua oração entregando nas mãos do Pai: “contudo, não seja feita a minha vontade, mas a tua” (Lucas 22:42).

Quão felizes seríamos se abríssemos mão da nossa vontade, assim como Jesus fez? Poderíamos aprender com o Príncipe da paz que por maior que for nossa vontade, a vontade que deve prevalecer é vontade a de Deus.

E a partir do momento que aprendi que a vontade dEle é melhor a minha, comecei a pedir pela paz de estar nos caminhos de Deus. Comecei a pedir que quando eu estivesse no caminho certo, a paz e tranquilidade tomassem conta do meu coração, entrando no lugar de toda angústia e tristeza. Foi aí que Deus tirou a minha dor com a mão. Simplesmente, de uma hora para outra, a paz preencheu o vazio e tirou toda aflição que eu passava.

Sem desespero e ansiedade, consegui enxergar além. Vi que Deus tinha planos, que Ele tinha o melhor, por mais que eu não entendesse qual seria o melhor naquele momento. Ele pegou os pedaços da minha alma e restaurou com Sua graça. Vi que todo tempo Deus só queria me mostrar que os planos dEle eram outros.

Todo o tempo Deus só queria que eu entendesse que deveria esquecer o que se foi e não viver no passado. Ele queria me dizer filha, veja! Eu estou fazendo uma coisa nova. Ela já está surgindo. Você não a reconhece?

Agora? Não Pai… Ainda não. Mas os Seus planos são maiores. Quando eu soube disso, a paz de Deus tomou conta do meu coração.

 

Série: A paz de estar em par com Deus

Texto 3/6

Texto 4: Foi Deus quem me mostrou o futuro lindo que eu tinha pela frente.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Gabriele Sauthier
Com 23 anos é formada em Biologia, mas apaixonada por animais desde criança. Sempre a mais alta da turma, ama estar com os amigos e também ama dias nublados, tocar violão, café e livros. Procurando sempre estar em contato com a natureza, admira as flores e qualquer ser vivo.

COMENTÁRIOS