Eu não quero coisas superficiais, não quero ser preenchida pelo o que pode facilmente partir para longe sem dar explicações, não quero abrir o meu coração para quem não sabe ser de verdade, não quero me apegar ao que não dura por toda a eternidade. Um amor sem profundidade não está na minha lista de acontecimentos extraordinários e tenho certeza que também não está na lista de ninguém que saiba a importância da entrega.

O meu maior sonho não é encontrar alguém para amar e ser amada, não é encontrar alguém que possa, finalmente, me transbordar e tornar os meus dias felizes. No fundo, sei que almejo esse encontro com o amor, mas não torno isso algo essencial, que não posso viver sem. É sempre válido lembrar que pessoas são falhas e podem facilmente ferir umas as outras. A minha felicidade não pode depender dos meus amigos, da minha família ou o meu amor, muito antes disso ela já precisa estar enraizada em meu coração. Aqueles que amo não estão em minha história para me preencher e então transbordar, mas estão em minha história para somar.

Mas, diferente de pessoas que são falhas, conheci alguém que não falha, alguém que me ama todo dia como se o amanhã nunca fosse existir. Alguém que, literalmente, morreu de amores e sacrificou o que outro alguém jamais irá sacrificar: a sua vontade e a sua vida. Esse alguém é o meu grande amor, quem traz esperança para os meus dias difíceis e tranquilidade mesmo quando estão tentando tirar a minha alegria. É Jesus! E, sinceramente? Pense em um Homem extraordinário, que deu tudo por mim e continua a me amar mesmo quando as incertezas surgem em meu coração. Ele pode até não ser o Homem mais bonito do universo aos olhos humanos, mas para mim não existe outro alguém que ocupe o seu lugar e ame como Ele ama.

Quando eu disse “sim” para Ele, o meu passado cheio de marcas e feridas ficou para trás. Ele não o apagou, mas curou as minhas feridas mais profundas e me ensinou que as cicatrizes que ficaram não são motivos para vergonha, mas para que eu não esqueça o quanto superei e de onde Ele me tirou. Ele não é apenas o meu grande amor, mas também o meu grande amigo. Conversamos sem nos preocuparmos com o horário ou o lugar em que estamos, rimos juntos, conto os meus medos e desesperos e Ele não me recebe com palavras ruins. Mas Ele me corrige quando estou errada, porque é isso o que o amor faz. E quando o meu coração birrento fica com teimosia, Ele não finge que isso é bobagem e ignora, mas diz palavras duras se assim for necessário.

Eu o amo. E pode parecer clichê, eu não ligo, mas não posso viver sem Ele. Já passei tempo demais tentando me encaixar e ser o que queriam que eu fosse mesmo que isso ofuscasse a minha essência, mas Ele? Ele me aceitou como sou. Mas eu mudei. Não porque Ele me obrigou, mas porque me mostrou que era preciso e eu sabia que Ele estava certo. Vejo muitas pessoas dizendo que quem nos ama, nos aceita como somos e não precisamos mudar. É verdade, quem nos ama, nos ama como somos, mas é por isso que não devemos pensar em que temos sido? É porque o outro nos ama como somos que devemos estagnar e não reconhecermos as nossas falhas?

Quem ama muda, sim, e para melhor. Quem ama quer entregar o melhor que pode ser e não apenas ficar na mesma. O amor faz isso, desperta o melhor que podemos ser. E é isso o que Jesus despertou em mim, o meu melhor. Ele não ficou apontando o dedo e dizendo em todo momento os meus erros, mas o seu amor perfeito me mostrou que não posso continuar entregando pouca coisa quando o que recebo é muito maior e melhor do que jamais sonhei.

Estou em um relacionamento sério com Jesus. Diferente dos relacionamentos terrenos, o que tenho com Jesus envolve Salvação e amizade verdadeira. Ele nunca me decepciona, cuida dos meus sentimentos e guarda os meus sonhos, me acolhe nos momentos de dor e me coloca para dormir como um pai coloca o seu filho. O meu relacionamento sério é com Aquele que não me deixa para depois, que me coloca em seu colo quando o choro surge e da sua maneira acalma a minha alma. Tenho aprendido com Jesus tantas coisas extraordinárias. Acredito com todo o meu coração que não há ninguém melhor para me ensinar sobre o amor do que Aquele que é o próprio amor.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Laureane Antunes
Colecionadora de sonhos, não importa o quanto pareçam bobos, a vida é dura demais para ser vivida sem sonhar. Da minha fé, faço poesia, assim a eternizo em minhas palavras. Estou por aqui apenas de passagem, o Céu me aguarda.

COMENTÁRIOS