Por muitas vezes acreditei que eu precisava de alguém para me preencher. Que o vazio que eu sentia dentro de mim era falta de um “amor humano”. Eu acreditava na falsa ideia de precisar estar rodeada por muitas pessoas para me sentir importante, fazendo muita coisa para sentir prazer e que aquilo me completasse de alguma forma. Pessoas, lugares, coisas. Por um tempo procurei essas coisas como uma saída para meu mundo de certa forma solitário, onde lá fora era feliz, mas sozinho dentro de um quarto me via triste.

Então fui em busca de algo, enfim alguma coisa que me fizesse feliz. Sim, o que a gente quer é ser feliz, a nossa vida acaba sendo uma busca constante pela tal felicidade, o momento ” ápice ” de nossas vidas em que teremos tudo aquilo que procuramos e assim, dessa forma seremos completos.

Mas o tempo vai passando e vemos que não é bem assim que acontece, que a tal felicidade está meio distorcida, e que precisamos ajustar as lentes do nosso coração. Sabe por quê? Porque a felicidade na verdade tem um nome: Jesus. E que todas as respostas estão apenas nesse nome. Esse nome que dá sentido à sua vida, que te dá muitas respostas, mas que talvez também não responda algumas questões, e embora você não compreenda é preciso entender que nós não precisamos ter o conhecimento de todos os porquês, e sim apenas confiar que Ele sabe o que faz em nossas vidas.

Sim, Deus preenche cada espaço vazio do seu coração, e supre suas necessidades. Supre a ausência de uma mãe, de um pai, de um companheiro (a), de amigos. Supre coisas que você acha que são muito importantes como likes, dinheiro e status. Na verdade Ele não se preocupa muito com isso, Ele se preocupa mesmo com você, com o seu coração. E mesmo assim Ele concede a você algumas coisas que o seu coração deseja, Deus realiza sonhos, e te faz sorrir do nada. E então, você acaba descobrindo que a vida perfeita nunca existirá, que teremos aflição sim, mas não serão para sempre. E por fim, aprendemos que o momento ápice será o céu, onde estaremos com o Pai. O real sentido de tudo é Ele. É por isso que eu sempre oro: “Você tens meu coração Jesus, faz dele o que você quiser.”

“E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.” Apocalipse 21:4

Imagem: Mansano Fotografia

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS


Maria Clara
Fortalezense, 23 anos, estudante de engenharia. Misturo os números com as letras, talvez porque eu goste um pouco de tudo. Amo as coisas simples e os sentimentos que elas me proporcionam como estar com a família, amigos e tomar sorvete num dia quente. O que mais busco é ser semelhante a Cristo, e refletir esse amor que um dia me alcançou.

COMENTÁRIOS